Quando o assunto é algum produto químico usado no tratamento da piscina, sempre gostamos de começar com aquele mantra:

Antes de utilizar qualquer produto químico, leia as instruções de uso no rótulo/embalagem!

Agora que você já se lembrou desta que é a regra número um do uso dos produtos da piscina, podemos começar a falar sobre o assunto de hoje…

É notório que o sulfato de alumínio é quase tão popular quanto o cloro granulado. Não é sem motivo, afinal, ele é um excelente decantador e normalmente resolve problemas de turbidez na piscina como um passe de mágica.

Contudo, ele também possui seus pontos negativos e é exatamente sobre eles que falaremos hoje. Você conhece os problemas do sulfato de alumínio?

Sulfato de Alumínio para piscinasO Sulfato de Alumínio usado em piscinas

O sulfato de alumínio é um decantador em pó extremamente comum nas lojas especializadas em limpeza de piscinas e é famoso pela sua eficácia: em muitos casos ele coloca a sujeira toda para decantar em poucas horas agindo com a motobomba desligada.

Apesar disso, seus pontos negativos também são notórios e esta publicação vai lidar justamente com eles. Vamos lá?

O sulfato de alumínio não pode passar pela areia do filtro

Uma das instruções que pode ser encontrada na embalagem de qualquer sulfato de alumínio é a seguinte: “sempre aspire o fundo com o filtro na posição DRENAR”. E não é sem razão!

O sulfato de alumínio possui uma espécie de “efeito colateral” sobre a areia dos filtros. Se a areia entre em contato com o sulfato de alumínio ela tende a “empedrar” e perde consideravelmente seu poder de retenção de sujeiras.

Para evitar que isso aconteça, a solução é sempre que decantar a piscina com o sulfato, aspirar o fundo drenando.

A questão que fica é a seguinte: se ele não pode passar pelo filtro, a aspiração do fundo deve ser feita com perfeição. Mas será que isso é possível?

O sulfato de alumínio desequilibra o pH da água

Na própria embalagem do sulfato de alumínio o fabricante geralmente coloca a instrução para utilizá-lo em conjunto com o elevador de pH. Isso acontece pois ele sozinho eleva a acidez da água e é preciso fazer um contraponto adicionando a barrilha leve.

Este é um fator decisivo na hora de escolher o produto para a decantação da piscina, afinal, se o pH da piscina já estiver muito baixo, não é legal contribuir para que ele desça ainda mais.

Aqui fica outra questão: se o sulfato de alumínio inevitavelmente abaixa o pH da piscina, porque alguém iria preferi-lo em detrimento de outros decantadores que não alteram o pH da água?

Ao contrário da primeira questão, esta tem uma resposta possível… Alguém pode preferir o sulfato por ele ser realmente eficiente e, por isso, considerado mais confiável do que outros decantadores. E também pode parecer ideal em situações em que é necessário decantar a piscina e o seu pH está alto.

Sulfato de AlumínioSaiba mais

Estes são apenas dois pontos relevantes do sulfato de alumínio, este produto tão usado e, de certa forma, tão controverso.

Para saber mais sobre ele, listamos algumas fontes:

Conforme já dissemos numa outra publicação, se preferir, você sempre pode optar por decantadores que não prejudicam o elemento filtrante e não diminuem o pH da água. Os produtores de químicos para tratamento de piscinas já investiram na fabricação de produtos alternativos que são facilmente encontrados em qualquer loja especializada em piscinas.

Se ficou alguma dúvida com relação ao sulfato, fale conosco! Trabalhamos com piscinas a mais de vinte anos e estamos sempre à disposição para lhe orientar acerca de toda a linha de produtos químicos usados na limpeza de piscinas.

Se quiser passar por aqui, estamos na Avenida Francisco Negrão de Lima, no número 860, aqui na Pampulha. Se preferir, fale com a gente pelo email contato@brasilpiscinas.com.br ou pelo telefone (31) 2520-7776.

Publicações Recentes

Deixe um Comentário

Fale conosco

Mudar o texto. captcha txt
Aspiração depois da decantação da piscina
Inline
Inline