Se você acompanha nossas publicações já deve conhecer saber bem do protagonismo da motobomba no funcionamento de uma piscina.

Escrevemos há pouco um texto em que abordamos vários de seus aspectos: dos componentes ao consumo de energia elétrica passando pelo preço e pelas boas práticas para sua instalação.

Contudo, depois de tanto escrever, percebemos que a instalação hidráulica da motobomba deixou a desejar. Vários pontos importantes para a instalação hidráulica da bomba da piscina acabaram sem explicação e é por isso que voltamos hoje!

Vamos escrever um pouco sobre a instalação da parte hidráulica e outras informações importantes das quais não falamos na nossa outra publicação sobre este que é considerado o coração da piscina: a bomba d’água.

Então, como sempre, se você tem alguma dúvida com relação à parte hidráulica da motobomba, vem com a BRASIL PISCINAS!

Motobomba para piscinaA motobomba da piscina

Recapitulando, a motobomba da piscina é um componente central no seu funcionamento.

Ela é importante tanto na hora de limpar a piscina, aspirando o fundo ou recirculando os produtos usados no tratamento, como também é imprescindível para a realização da filtração diária da água.

É a bomba d’água que transforma a energia elétrica que chega pela tomada em energia cinética e a transfere para a água fazendo-a se movimentar.

Se ainda está perdido com relação ao conceito de bomba d’água, confira o texto que mencionamos acima:

Agora que já está por dentro, vamos ao assunto desta publicação: a instalação hidráulica da motobomba.

A instalação hidráulica da bomba da piscina

Para começar a falar sobre a forma correta de realizar a instalação hidráulica da bomba da sua piscina, vamos deixar claro:

Toda instalação hidráulica de piscinas deverá seguir as normas da ABNT prescritas na NBR 10339!

Seguir a norma da Associação Brasileira de Normas Técnicas é uma questão de segurança e nenhuma empresa, nem quem fornece a motobomba e nem quem a fabrica, será responsabilizada por por instalações feitas em desacordo com a prescrição da NBR 10339.

Não seguir esta norma da ABNT pode causar danos aos equipamentos da casa de máquinas (sem se limitar à própria motobomba) e até mesmo acidentes graves ou morte de usuários da piscina.

Um pequeno resumo da NBR 10339

NBR 10339 - Piscina, projeto, execução e manutençãoA ABNT NBR 10339 de 2018 estabelece requisitos quanto à maneira e os critérios pelos quais devem ser projetados e construídos os tanques de piscinas.

Ela se refere a requisitos de higiene, de segurança e de conforto dos usuários da piscina.

Além destes, esta norma se refere aos critérios pelos quais devem ser projetados e construídos os sistemas de recirculação e tratamento de água de piscinas.

Os construtores, empreendedores, incorporadores, projetistas, usuários e o poder público devem adotar tais critérios para o uso adequado dos diferentes tipos de piscinas numa edificação.

A norma se aplica a todas as piscinas em construção!

A revisão desta Norma foi motivada pela necessidade de harmonizar os critérios técnicos a serem adotados pelas seguintes razões:

  • necessidade de melhoria dos requisitos de segurança para os usuários de piscinas;
  • qualidade do sistema de recirculação e tratamento da água aplicado;
  • adequação de novas técnicas pelo estabelecimento de critérios técnicos claros para definição do desempenho necessário;
  • estabelecimento de requisitos claros para a operação correta das piscinas e respectivas manutenções preventivas e corretivas ao longo da vida útil, que garantam o desempenho dos critérios técnicos estabelecidos em projeto.

Voltando à instalação hidráulica da motobomba

Agora sim, vamos tratar da instalação hidráulica da bomba propriamente dita.

Saídas de água da piscina

As saídas de água da piscina devem necessariamente estar ligadas ao bocal de sucção da motobomba. Entende-se por “saídas de água da piscina” o skimmer, os ralos de fundo e a tubulação de aspiração.

Os dispositivos de aspiração devem ser instalados de 20 a 40 centímetros abaixo do nível da água.

A válvula seletora do filtro

O bocal de saída da motobomba deve ser ligado à entrada da válvula seletora do filtro.

Os dispositivos de retorno também devem ser ligados à saída da válvula seletora do filtro. Estes dispositivos de retorno devem ser instalados de 30 a 50 centímetros abaixo do nível da água.

Esta saída da válvula deve ser conectada diretamente com a rede de esgoto local.

Os registros da casa de máquinas

Os registros utilizados na casa de máquinas deve ser preferencialmente de esfera.

Para quem não entende bem de hidráulica e suas peculiaridades, um registro de esfera é aquele que com apenas meia volta ele fecha completamente e o mesmo movimento na direção oposta o abre completamente.

Outras considerações importantes sobre a hidráulica da motobomba

Ligação hidráulica da bomba da piscinaÉ importante, antes de realizar a instalação, se certificar que os registros, as válvulas e as conexões usadas vão permitir a retirada do filtro e da motobomba.

Se não for possível retirar o filtro ou a bomba da piscina sem que haja a perda de água, o projeto da piscina está equivocado!

Também é importante instalar ao menos dois dispositivos para fazer a sucção. Na prática, a ideia é que um ralo de fundo único oferece risco de prender um usuário da piscina caso ele chegue muito próximo do local onde ele puxa a água.

Um outro ponto importante é considerar o uso de curvas e não de cotovelos. Toda a casa de máquinas deve utilizar tubos de PVC, colocados de acordo com a recomendação do fabricante dos dispositivos.

O uso da lixa para realizar a solda dos tubos ainda é recomendada e garante uma melhor aderência entre a parte externa do tubo e a parte interna da conexão.

Evite usar muita cola ao instalar as uniões nos bocais da válvula ou da motobomba da piscina. O acúmulo de cola pode danificar o distribuidor da válvula do filtro ou as peças internas da bomba d’água.

Se for escolher um aquecedor para a piscina, seja ele um trocador de calor, um aquecedor solar ou mesmo um aquecedor a gás, o ideal é contar com uma motobomba separada daquela usada na filtração.

Também não se pode esquecer de fazer um “by-pass” entre a tubulação de entrada e a tubulação de saída do trocador de calor.

Nunca deixe a tampa da caixa de ligação da motobomba aberta. Uma pequena quantidade de água que cair ali poderá danificar o equipamento irreversivelmente.

A casa de máquinas deve ter pelo menos um dreno para que os equipamentos elétricos não sejam danificados caso haja inundação do local.

Sempre verificar se há a necessidade de realizar a limpeza do cesto do pré filtro. Antes de fazer qualquer coisa na casa de máquinas, lembre-se de desligar a bomba!

Antes de ligar a motobomba, verifique sempre se os registros que precisam estar aberto realmente estão. Sempre é preciso que haja um caminho para a água chegar à motobomba bem como um caminho para que ela saia pela parte de cima da bomba e siga para o esgoto ou de volta para a piscina.

Considerações importantes sobre a elétrica da motobomba

Vamos ir um pouco além da questão hidráulica da motobomba e vamos falar um pouco da parte elétrica:

  • procure instalar um disjuntor aproximado à corrente da motobomba.
  • qualquer equipamento que aumente a pressão interna do filtro poderá fazer com que ele sofra trincas e outras deformações que, em última instância, causarão a perda da garantia do conjunto filtrante.
  • verifique com atenção a corrente da motobomba e faça a instalação conforme este valor.
  • se sua motobomba for trifásica fique atento à rotação da ventoinha. Ela deverá estar em conformidade com o que está indicado no motor da motobomba.

É possível conferir o sentido de rotação da ventoinha estando de frente para o fundo do motor.

Alguma dúvida?

Estas são as informações que ficaram faltando para cobrirmos tudo sobre a motobomba da piscina. Se você ainda tem alguma dúvida com relação à instalação hidráulica da motobomba, fale com a BRASIL PISCINAS através do campo de comentários logo abaixo!

Trabalhamos com construção de piscinas há mais de 20 anos e conhecemos bem os assuntos relacionados com o setor. Sempre que precisar, conte conosco! Grande abraço e até a próxima!

Deixe um Comentário

Fale conosco

Mudar o texto. captcha txt
Motobomba para piscinas
Inline
Inline